em

Ygor Rodrigues celebra acerto com Açaí Republic e mira AIGA

Faixa-preta recebeu o convite após brilhar no Brasileiro Nogi

Ygor Rodrigues é tricampeão brasileiro de Jiu-Jitsu Sem Kimono da CBJJ.
Ygor Rodrigues conquistou o tricampeonato brasileiro sem kimono em 2023. Foto: Divulgação/CBJJ

Ygor Rodrigues vive a melhor fase de sua carreira no Jiu-Jitsu e foi recompensado pelo grande momento nos tatames. Na última quinta-feira, o Açaí Republic oficializou a contratação de Ygor e o brasileiro vai defender a equipe na próxima edição do AIGA Champions League. O evento será disputado no dia 1º de dezembro, em Almaty, no Cazaquistão.

O Açaí Republic está classificado para a semifinal da competição e medirá forças com a Universal Fighters em busca da vaga na final. O tricampeão brasileiro sem kimono chega como um reforço de peso na disputa e terá a chance de apresentar a melhor versão de seu jogo num dos maiores palcos do grappling do mundo.

Em entrevista ao VF Comunica, Ygor contou como surgiu a oportunidade de participar do Aiga e  vibrou com o acerto com o Açaí Republic.

“Eu acompanho o AIGA desde o início da temporada. Já queria fazer parte desse show, um amigo me indicou para o time, e tivemos esse primeiro contato em julho, mas a equipe estava completa. O convite surgiu logo após meu título e minha performance no Brasileiro Sem Kimono”, disse Ygor.

Divisor de águas

Ygor estava faminto para alçar voos mais altos em sua carreira e a consagração no Brasileiro Sem Kimono carimbou o passaporte para o Cazaquistão. Se existia algum questionamento quanto ao reinado de Ygor, todas as dúvidas acabaram após a vitória emocionante sobre Fabio Caloi na final do torneio da CBJJ. O carioca comentou o que integrar o AIGA representa para ele depois de anos de dedicação.

“No geral, com essa oportunidade, eu posso me jogar para um próximo nível com uma boa apresentação. Eu aceitei o convite, sobretudo, pela exposição do evento. Eu preciso disso nesse momento”, garantiu o faixa-preta.

Ygor Rodrigues afirmou que já começou os estudos para o AIGA e reiterou que o estudo da regra e a evolução no jogo de quedas serão primordiais nesses meses finais de preparação.

“Então, a primeira rodada será contra o time Universal Fighters. Comecei a estudar os adversários agora, então eu não tenho um nome ainda. Essa fase está bem difícil, mas vai ser empolgante.  A dinâmica é bem diferente dos eventos que normalmente acontecem, são três rounds de cinco minutos, regra semelhante a do ADCC. Preciso ajustar alguns pontos, estudar melhor a regra e treinar bastante wrestling”, destacou o faixa-preta do CT MR.

Representante do Jiu-Jitsu no AIGA, Ygor reforçou como a participação com o AIGA será importante para o desenvolvimento de sua carreira.

O Açaí Republic é o time que me contratou para a fase final do AIGA, então, será muito positivo na minha carreira. Eu precisava dessa exposição. Venci todos os grandes eventos da IBJJF no Brasil.

Avatar photo

Escrito por Gabriel Almada

Jornalista aficionado por luta e faixa-roxa de Jiu-Jitsu

Chael Sonnen criticou postura de Charles do Bronxs. Foto: Reprodução

Chael Sonnen debocha de Charles: “ele é um bom ator”

Mikey Musumeci finaliza lenda do MMA e continua invicto no One