em

Mikey Musumeci busca redenção em luta contra Gabriel Sousa, no ONE 167

Atual campeão peso mosca de grappling do ONE, Musumeci vê na vitória a confirmação da evolução do seu Jiu-Jitsu

Mikey Musumeci, campeão peso mosca do ONE, vai enfrentar brasileiro Gabriel Sousa em disputa no peso galo.
Mikey Musumeci, campeão peso mosca do ONE, vai enfrentar brasileiro Gabriel Sousa em disputa no peso galo. Foto: ONE FC

A última derrota de Mikey Musumeci foi justamente para ele, Gabriel Sousa, seu adversário no dia 7 de junho, próxima sexta, em luta de grappling válida pelo peso galo no ONE 167. Campeão mundial peso mosca da organização, na modalidade do grappling, Musumeci é um atleta norte-americano com mais brasilidade que muitos atletas nascidos em solo verde e amarelo. Tetracampeão mundial de Jiu-Jitsu pela IBJJF, primeiro americano a possuir mais de um título na faixa-preta adulto pela federação, Mikey vai entrar no cage na Tailândia, país que vai sediar a próxima edição do ONE, motivado pelo desejo de revanche.

Musumeci ficou frente a frente com Gabriel Sousa em 2021 no Who’s Number One, evento de Jiu-Jitsu sem kimono. Na ocasião, Gabriel conseguiu passar a guarda elástica do oponente para dominar no norte-sul e avançar para um estrangulamento dessa posição de domínio. Gabriel tem se mostrado confiante, pois já percorreu o caminho da vitória diante de um adversário tão perigoso. Mikey, ciente da sua evolução diária, não fica na retaguarda quando o assunto é a segurança no próprio jogo, como contou em entrevista ao Combate.

“A única pessoa que eu tenho essa vontade (de vencer) é o Gabriel Sousa, porque eu perdi para ele. Mas não para vencê-lo e sim porque eu quero melhorar, não é sobre o adversário, mas sobre os obstáculos. O Gabriel foi um grande obstáculo e eu sou muito grato por essa oportunidade. Eu vou poder ver o quanto melhorei. Inclusive, a nossa luta é muito cedo e eu já planejei um treino no mesmo dia, porque não é sobre ganhar, é sobre melhorar o meu Jiu-Jitsu.”, disse o campeão do ONE.

Para vencer, Musumeci diz que vai ensinar uma lição de valores corretos do Jiu-Jitsu

O faixa-preta de Jiu-Jitsu, prestes a completar 28 anos de idade, tem pela frente um compromisso já agendado contra Kade Ruotolo, atleta mais pesado, campeão dos leves, e a subida de divisão para tentar levar para casa mais um título de No Gi é outro desafio grande que ele impôs na carreira. No entanto, Mikey diz que precisa focar em um adversário de cada vez e agora sua mente está totalmente ocupada com Gabriel Sousa.

“Brasil, estou competindo com o Gabriel Sousa, sei que ele é brasileiro, mas na verdade eu represento o Brasil também. Eu treino Jiu-Jitsu brasileiro, sou americano, mas minha alma é brasileira. Eu faço parte do Jiu-Jitsu com respeito, com valores certos que o Jiu-Jitsu brasileiro tem. O meu adversário usa de valores errados contra mim, com muito desrespeito comigo. Eu quero ensiná-lo uma lição, porque ele não tem os valores corretos do Jiu-Jitsu brasileiro.”, finalizou Musumeci, em tom de desafio.

Avatar photo

Escrito por Emmanuela Oliveira

Emmanuela Oliveira é faixa-marrom de Jiu-Jitsu e formada em Comunicação Social. Dentro do tatame, aprendeu que é possível conjugar Jiu-Jitsu, escrita e o gosto pelas artes visuais em um só pacote.

Plantão Jiu-Jitsu: Bruno Bastos cita destaques do Mundial e explica polêmica sobre graduação de Cássia Moura

Jansen Gomes fala sobre lesão no Mundial: “Só estirou alguns ligamentos!”