em

Mica Galvão enfrenta craque do MMA em card estrelado do WNO

Mica coloca cinturão em jogo contra Kody Steele no dia 30 de novembro

Mica Galvão entrará em ação no WNO 21. Foto: Milena Maldonado/VF Comunica
Mica Galvão entrará em ação no WNO 21. Foto: Milena Maldonado/VF Comunica

Mica Galvão já tem data e adversário definidos para fazer sua primeira defesa de cinturão. Mica medirá forças com Kody Steele num duelo de grappling no WNO 21, marcado para o dia 30 de novembro, em Austin, Texas. 

O campeão do peso meio-médio do Who’s Number One terá mais um grande desafio na promoção. Kody é atleta de MMA e também tem um retrospecto vencedor no WNO.

Mica teve atuação irrepreensível na rota rumo ao topo da categoria -77kg do WNO. Há menos de um mês, o manauara emplacou duas vitórias na mesma noite para conquistar o título. 

Mica encantou com grappling de elite no WNO 21

Primeiro, Mica derrotou Jay Rodriguez por decisão unânime dos árbitros. Em seguida, protagonizou um desfecho triunfal contra PJ Barch. O canadense avançou à final após a lesão de Andrew Tackett e chegou à decisão com a tarefa de quebrar a banca. No entanto, Mica o surpreendeu com uma finalização relâmpago. Com menos de um minuto, Mica aplicou um armlock voador e liquidou a fatura.

O anúncio da luta encorpa o card e traz ainda mais prestígio ao evento. Na luta principal, Gordon Ryan coloca em jogo o cinturão peso pesado contra Lucas Hulk. O card também marca a estreia de Tainan Dalpra no grappling e a primeira defesa de título de Diogo Reis, que encara Diego Pato. Além disso, o campeão Pedro Marinho enfrenta Rafael Lovato e Roosevelt Sousa entra em rota de colisão com Luke Griffith.

Avatar photo

Escrito por Gabriel Almada

Jornalista aficionado por luta e faixa-roxa de Jiu-Jitsu

Tyson Fury e Francis Ngannou durante encarada. Foto: Justin Setterfield/Getty Images

Boxe: Francis Ngannou e Tyson Fury fazem luta galáctica amanhã

Vinicius Lessa vibra com a vitória. Foto: Ana Assis/Assis Fotografia

Vinicius Lessa sobre BJJ Pro: “vou mostrar por que sou o problema da divisão”