em

Deise Leonanjo detalha performance “incrível” no Pan Nogi

Deise integra a elite do Jiu-Jitsu há menos de um ano, quando foi condecorada faixa-preta após se tornar campeã mundial na marrom

Deise Leonanjo é faixa-preta de Jiu-Jitsu e representa a equipe Double Five.
Deise Leonanjo foi a campeã do peso médio no Pan Nogi 2023. Foto: Dominik Borowczyk

Deise Leonanjo foi implacável no Pan Nogi 2023 e obteve 100% de letalidade na competição. A atleta da Double Five emplacou três vitórias seguidas por armlock e se consagrou campeã no peso médio. Na final, Deise usou sua principal arma para finalizar Julia Maele em menos de três minutos.

Deise integra a elite do Jiu-Jitsu há menos de um ano, quando foi condecorada faixa-preta após se tornar campeã mundial na marrom. A aluna de Rafael Formiga está embalada nas competições desde que voltou à ativa. No mês passado, ela faturou o ouro duplo na Jiu-Jitsu Con Nogi e provou a eficiência de seu jogo. 

Em entrevista ao VF Comunica, Deise comentou seu desempenho e relembrou o começo difícil na elite do Jiu-Jitsu.

“Tive uma performance incrível, não tenho uma derrota nas competições sem kimono desde a faixa-roxa e só tenho aprimorado o meu Jiu-Jitsu. Consegui impor o meu jogo no Pan Nogi e tive domínio em todas as lutas. São apenas 10 meses na faixa-preta e, nesse período, fiz uma cirurgia e passei cinco meses parada em relação às competições. Conquistar  um grande título como esse na faixa-preta num intervalo curto é realmente uma grande realização e, ao mesmo tempo, uma motivação que me faz acreditar ainda mais no meu potencial”, contou Deise.

Deise quer enfrentar Andressa Cintra em eventos de super lutas

A representante da Double Five impôs o seu Jiu-Jitsu com maestria, mas revelou que que precisou superar algumas adversidades para levar o título. Deise disse qual luta foi mais desafiadora no decorrer da caminhada rumo ao ouro.

“Minha segunda luta foi a mais difícil. Eu me senti cansada devido ao corte de peso e meu corpo não estava reagindo muito bem quando a luta começou. Eu estava sentindo bastante ânsia e falta de ar. Sabia que era fundamental ter calma e controle na luta para impor o meu ritmo e não deixar minha oponente ter chances”, afirmou a faixa-preta.

Deise é uma competidora faminta pela finalização e se torna ainda mais letal sem kimono. Ela listou os pontos mais fortes de seu jogo e citou a adversária que gostaria de enfrentar numa luta casada.

“Eu tenho um Jiu-Jitsu básico e agressivo. Dificilmente, você vai me ver numa luta amarrada, estou sempre em busca da finalização. Eu luto para frente e nunca desperdiço a oportunidade de levar mais um braço para casa. Eu gostaria de enfrentar a Andressa Cintra. Ela é uma das maiores referências no peso médio e é campeã mundial com e sem kimono. Tenho certeza que seria uma luta muito interessante”, garantiu Deise.

Avatar photo

Escrito por Gabriel Almada

Jornalista aficionado por luta e faixa-roxa de Jiu-Jitsu

Ex-lutador do UFC fatura ouro triplo em torneio da PBJJF

Cássio Silva: “o Jiu-Jitsu cresce de forma inacreditável na França”